Investigação expõe dívidas de Aviões do Forró por sonegação

Aviões do ForróJá protagonizando algumas polêmicas, o caso da empresa Aviões do Forró Gravações e Edições Musicais Ltda. acaba de ganhar mais um capítulo.

Segundo o jornal “O Povo”, a banda, que está sendo investigada pela Receita e pela Polícia Federal, tem uma dívida que ultrapassa R$ 17 milhões.
O valor é referente à sonegação e encargos trabalhistas, que foram descobertos através da operação For All, deflagrada em 2016.
A banda que já teve Solange Almeida e Xand Avião como vocalistas, deveria pagar R$ 14.863.551,90 sonegados, mais R$ 3.167.193,12 de débitos processuais trabalhistas.
Além desta dívida, outro valor chama atenção. Segundo Isaías Duarte, principal empresário da banda, Solange deve ao grupo mais de R$ 17 milhões. O valor seria referente a uma soma dos prejuízos que a artista deixou após sair da banda.
Porém, a cantora também tem um processo aberto contra seus ex-sócios; entre eles, seu antigo parceiro de palco. Na ação, Almeida pede uma indenização no valor de R$ 5 milhões.
Com um processo contra Xand Avião e a banda Aviões do Forró em andamento, Solange Almeida foi questionada pelo “TV Fama”, da RedeTV!, sobre como a briga judicial e relação dela com o cantor.
Sem dar muitos detalhes, a cantora se limitou a dizer que as “coisas estão caminhando” e que “a justiça resolva“.
Em recente entrevista ao mesmo programa, Xand deixou de lado as desavenças e elogiou sua ex-parceira de palco: “Não esqueço de nada do que a Sol fez pela gente. Se não fosse por ela, a gente não estaria aqui“.
Ela sabe do apreço que tenho por ela e tudo vai se resolver. A gente só quer o bem para todo mundo“, disparou o músico, que não quis entrar em detalhes sobre os processos.

RD1

0 Comentários